segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Camões, IP - Formação a distância


O Camões, I.P. disponibiliza uma oferta na área de ensino a distância em diferentes áreas do saber, com recurso à utilização de uma plataforma tecnológica em contexto web, possibilitando a aprendizagem da língua portuguesa em qualquer parte do mundo.
Até ao próximo dia 8 de fevereiro, estão abertas as candidaturas aos cursos de ensino a distância em várias áreas do saber:
Português para estrangeiros:
Português para fins específicos
Formação Contínua de Professores
 Cursos de especialização
Cooperação para o desenvolvimento

Mais informação em: http://www.instituto-camoes.pt/activity/centro-virtual/inscricoes

Apresentação da Plataforma de Ensino a Distância “Português Mais Perto”


Amanhã dia 7 de fevereiro, pelas 17:00, terá lugar  no Auditório do Camões-Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., em Lisboa, a apresentação da Plataforma de ensino a distância “Português Mais Perto”.
A sessão será presidida pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, e contará com a presença do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro.
A Plataforma Português mais perto constitui uma nova ferramenta disponível para o ensino e aprendizagem do português, reunindo dezenas de aulas interativas para a aprendizagem da língua. Está concebida como um apoio às famílias, na sua esfera educativa, proporcionando uma experiência de estudo orientada para a aprendizagem individual e autónoma do aluno, complementada, numa segunda modalidade, com a possibilidade de dispor de apoio de um tutor.
Destina-se, sobretudo, a auxiliar as crianças e jovens que iniciaram o percurso educativo em Portugal e, agora, em virtude da emigração temporária dos seus pais, se encontram a residir no estrangeiro, tendo no seu horizonte voltar ao sistema escolar português; mas também para as crianças e jovens de origem portuguesa escolarizados no estrangeiro, para os quais foi criada a oferta de Português Língua de Herança. Resulta da colaboração entre uma editora nacional, a Porto Editora, e o Camões, I.P.
É mais um instrumento, flexível e adaptado aos contextos familiares e pessoais daqueles que reconhecem a importância de aprender português por razões de identidade, para garantir a finalidade essencial de garantir que a língua portuguesa e, portanto, a identidade nacional permaneçam vivas entre todos os portugueses, onde quer que estejam.
(Texto retirado de http://www.instituto-camoes.pt/sobre/comunicacao/noticias/15955-apresentacao-da-plataforma-de-ensino-a-distancia-portugues-mais-pert)